E se tu e os teus filhos começassem a falar sobre dinheiro a partir de atividades lúdico-didáticas?

Chegou o Jogo de Literacia Financeira para Pais e Filhos!

Eu concordo com os Termos & Condições *

Falar em dinheiro está na ordem do dia.

Seja de uma forma mais «negativa» ou mais «positiva», ou até de uma forma mais esotérica ou material, não escapamos ao tema.

Rebobina na tua mente o teu percurso até este momento.

O que é que tu terias feito de diferente em adulto se tivesses noção de como ganhar, gerir, poupar, investir, doar ou gastar dinheiro em criança?

Não te iludas ao pensar que é assunto para a adolescência ou a entrada no mercado de trabalho.


A educação financeira começa desde cedo e não apenas quando chegamos à idade adulta e somos confrontados com os acontecimentos!

Se queres que os teus filhos se tornem em adultos com uma mentalidade de abundância e com conhecimentos sólidos sobre o que é e como usar o dinheiro, então, quanto mais cedo começares, melhor!

O Jogo de Literacia Financeira para Pais e Filhos é um divertido desafio, com a duração de duas semanas, em que toda a família vai descobrir de forma simples e prática como aliar a leitura, a família e a educação financeira.

O jogo é composto por um total de 10 desafios, cada um sobre um tema diferente, e todos eles serão enviados por e-mail.

Eu concordo com os Termos & Condições *

Sabes aquele medo da falta de dinheiro?

Aquela angústia em saber se temos dinheiro suficiente para satisfazer as necessidades básicas da nossa família?

Esse medo leva-nos a matar-nos a trabalhar, muitas vezes num emprego que nem nos realiza pessoal nem profissionalmente, simplesmente para termos dinheiro para sustentar a nossa família.

Quando damos por nós, vivemos o dia a dia em «piloto automático» numa autêntica «roda dos ratos», uns de nós completamente alienados, outros bem conscientes dessa realidade e por isso mesmo a definhar por dentro.

Em suma, exaustos e desprovidos de qualquer pingo de vitalidade.
Será que isto não é uma consequência de tu-adulto não teres aprendido a lidar com o dinheiro enquanto tu-criança?

Se parares para pensar, a verdade é que ao trabalharmos tanto para ganhar dinheiro para pagar as contas e ainda conseguir proporcionar àqueles que amamos um ou outro capricho (que, embora não sejam necessidades, também fazem parte), estamos também a reduzir o tempo que temos para dedicar à nossa família.

Por muito que precisemos de trabalhar (e precisamos!) para proporcionar o melhor aos nossos filhos, isso de nada nos irá servir se não estivermos cá para eles. E por «cá» eu refiro-me a estar de corpo e alma, em pleno, de forma intencional, passando tempo juntos, dedicando tempo de qualidade à nossa família.

Não podemos terceirizar a criação dos nossos filhos! No entanto, é isso que acontece cada vez mais, não necessariamente pela nossa sina, mas por falta de conhecimento da nossa parte.

E um dos passos mais importantes que podes dar para mudar essa realidade é desenvolver a tua literacia financeira!

Melhor do que isso só mesmo tu e a tua família desenvolverem a vossa literacia financeira juntos!
E se a essa aprendizagem conjunta juntares o aspeto lúdico, melhor ainda, pois já se sabe que se aprende melhor quando se está descontraído.

O Jogo de Literacia Financeira para Pais e Filhos é um divertido desafio, com a duração de duas semanas, em que toda a família vai descobrir de forma simples e prática como aliar a leitura, a família e a educação financeira.

O jogo é composto por um total de 10 desafios, cada um sobre um tema diferente:

1º Desafio
Mentalidade de abundância

2º Desafio
O dinheiro

3º Desafio
Gestão de finanças pessoais

4º Desafio
Ganhos financeiros

5º Desafio
Poupanças financeiras

6º Desafio
Empréstimos financeiros e dívidas financeiras

7º. Desafio
Investimentos Financeiros

8º Desafio
Doações financeiras

9º Desafio
Gastos financeiros

10º Desafio
Rituais de abundância

Eu concordo com os Termos & Condições *

Consegues imaginar a importância de tu, adulto, teres literacia financeira?

Ao teres mais conhecimento sobre dinheiro, podes desenvolver a tua mentalidade de abundância, a tua inteligência emocional (que te permitirá lidar de forma equilibrada com os desafios e sucessos que forem surgindo) e uma relação saudável, positiva
e potenciadora com o dinheiro.

Da mesma forma, ao estares mais informado, vais desenvolver determinadas capacidades que te permitirão tomar decisões financeiras informadas e proveitosas, tanto para ti como para os outros, influenciando, assim, de forma positiva, toda a sociedade em que te inseres. Se cada um de nós tiver literacia financeira, todo o mundo terá literacia financeira!

Além disso, se tu tiveres literacia financeira, então terás os recursos necessários para educar financeiramente os teus filhos, passando-lhes conhecimento, refletindo e fazendo experiências em conjunto, capacitando-os para a autossuficiência e abundância!

Agora imagina a relevância de os teus filhos aprenderem desde cedo sobre dinheiro, para, a pouco e pouco, irem desenvolvendo a sua literacia financeira!

Os teus filhos crescerão a aprender sobre dinheiro da forma mais neutra e descondicionada possível. Assim, serão eles próprios (e não os outros) a definir as características do dinheiro e tudo aquilo que podem fazer e alcançar com ele.

Além disso, os teus filhos estarão a manter a sua essência abundante, ao não se deixarem condicionar (tanto) pelas camadas limitadoras que a família e a sociedade em que se inserem inconscientemente lhes incutem. É este o poder de agir desde tenra idade, para que não tenham de se descondicionar (tanto) chegados a adultos.

Mais, os teus filhos estarão a desenvolver uma relação saudável e potenciadora com o dinheiro. O tema está em cima da mesa, a visão é neutra e não enviesada, há comunicação, há encorajamento!

Os teus filhos terão acesso a conhecimento com um valor incalculável, capacitando-os para, depois, conduzirem pesquisas e experiências mais profundas e de forma mais autónoma sobre os diferentes temas associados ao dinheiro.

Temas como o que é o dinheiro, como ganhar dinheiro, como gerir dinheiro, como poupar dinheiro, como pagar dívidas, como investir dinheiro, como doar dinheiro, como gastar dinheiro, como manter uma mentalidade de abundância.

Além do mais, os teus filhos aprenderão sobre o valor do dinheiro (ao descobrirem o que é necessário para fazer e gerir dinheiro) e, consequentemente, desenvolverão uma atitude mais responsável e cuidadora em relação ao dinheiro.

Muito importante, estarão a desenvolver a autossuficiência e a prosperidade, algo que todos nós, como pais, desejamos a nível financeiro para os nossos filhos!

Se para nós, adultos, é transformador desenvolver a nossa literacia financeira, imagina então os nossos filhos crescerem com literacia financeira!

O Jogo de Literacia Financeira para Pais e Filhos é um divertido desafio, com a duração de duas semanas, em que toda a família vai descobrir de forma simples e prática como aliar a leitura, a família e a educação financeira.

O jogo é composto por um total de 10 desafios, cada um sobre um tema diferente, e todos eles serão enviados por e-mail.

O Jogo de Literacia Financeira para Pais e Filhos é gratuito e irá decorrer ao longo de duas semanas.

15/01 e 26/01

Eu concordo com os Termos & Condições *

Olá! O meu nome é Ana Viegas e sou escritora.

Desde que me conheço que gosto de histórias e em criança tinha o desejo nada secreto de ser escritora. Hoje em dia, dedico-me a transformar em palavras as faíscas da minha imaginação e vivo o meu propósito de tocar o coração dos meus leitores e fazer a diferença no mundo através da minha escrita, incentivando miúdos e graúdos a manter o hábito da leitura e da escrita.

Mas nem sempre foi assim.
Apesar de sempre ter gostado de escrever, também sempre achei que não era possível viver da escrita (ai, as crenças sobre dinheiro…), daí nunca me ter dedicado a ela como forma de subsistência, tendo optado por seguir a via convencional de tirar uma licenciatura e trabalhar numa área específica. No entanto, tudo o que a sociedade me disse que traria estabilidade («estuda e terás um bom trabalho»; «recebe um ordenado e terás estabilidade»), não trouxe.

Após vários anos a trabalhar por conta de outrem como professora, tradutora e revisora, decidi embarcar num intenso processo de autoconhecimento e desenvolvimento pessoal, que me levou a criar o meu negócio próprio, totalmente focado na escrita.
Ao vivenciar os efeitos transformadores desta profunda viagem interior, senti-me verdadeiramente conectada comigo própria. Pensei, então, quão maravilhoso seria se todos vivessem o mesmo. Ou melhor, quão bom seria se todos «crescessem» vivenciando a mesma sensação. Foi por esta altura, no final de 2019, que escrevi a Coleção de desenvolvimento pessoal para crianças e jovens.

Um conjunto de 15 livros em formato papel ecológico, ebook e áudio, que alia a leitura à saúde mental, para que as crianças e jovens cresçam profundamente conhecedores de si próprios e com uma autoestima e autoconfiança inabaláveis (e não tenham de aprender a fazê-lo chegados a adultos).
A minha intenção era escrever o que gostaria que os meus filhos lessem, de tal forma que estes livros fizessem o meu papel caso eu não estivesse cá, transmitindo os meus conhecimentos essenciais sobre desenvolvimento pessoal. Gostei tanto da experiência e do resultado final que decidi partilhá-los com o mundo. E ainda bem que o fiz, pois foi recebida com todo o carinho e elogiada pela pertinência dos temas por pais, professores, bibliotecários, terapeutas e, mais importante, pelos meus queridos jovens leitores.

O que eu, ingenuamente, não sabia era que a minha jornada interior estava apenas a começar e mais temas revolucionários me visitariam, para, depois, os partilhar, sob a forma de histórias criativas e transformadoras, com o mundo e os meus leitores. Foi assim que, no final de 2022, surgiu uma nova coleção de livros.

Escrevi a Coleção de literacia financeira para crianças e jovens como uma catarse pessoal e um legado à minha filha, ao meu sobrinho e aos meus jovens leitores.
A verdade é que eu nem sempre tive uma boa relação com o dinheiro. Quase tudo o que aprendi sobre gestão de finanças pessoais e do meu negócio próprio foi no confronto com os acontecimentos, foi em esforço, foi em sofrimento.

As minhas crenças limitadoras associadas ao dinheiro não só condicionavam o meu dia a dia como ainda influenciavam a minha visão para o futuro. Sentia-me constantemente ansiosa, com uma dor no peito, um nó na garganta, paralisada de medo por tudo o que poderia correr mal. No entanto, quando decidi trabalhar a minha relação com o dinheiro, indo do mais superficial ao mais profundo de mim, e aprender sobre finanças pessoais, as coisas começaram a mudar. Para melhor.

Percebi que muito daquilo em que acreditava sobre dinheiro não era um facto, mas, sim, uma série de crenças transmitidas pela minha família e pela sociedade em que me inseria. Pôr em causa tudo aquilo que sabia ou em que acreditava sobre dinheiro foi transformador. Abriu-me a mente a novas perspetivas, a novas possibilidades.
Foi interessante perceber a minha história com o dinheiro, a história da minha família com o dinheiro, o que cada um deles me ensinou, para o bem e para o mal, sobre dinheiro. Foi desconcertante reconhecer tudo aquilo que já poderia ter alcançado se tivesse uma mentalidade muito mais positiva e potenciadora em relação ao dinheiro (mas estamos sempre a tempo!). Hoje pergunto-me: Não teria sido muito mais fácil se tivesse aprendido alguma teoria antes, de forma leve, cativante e criativa? Não teria sido uma adulta muito mais empoderada se tivesse aprendido algo positivo e prático sobre dinheiro enquanto criança?

Olho para a minha filha e não a quero ver nos apertos em que me vi. Por muitas lições que ela tenha de aprender ao longo da vida, não acredito que tenha de ser tudo em esforço. Pode aprender partindo de um lugar de conhecimento e empoderamento. Desejo o mesmo ao meu sobrinho. E a todas as crianças. Por isso é que decidi escrever a Coleção de literacia financeira para crianças e jovens.
Para que, ao lê-la, as crianças e jovens adquiram conhecimentos valiosos e comecem a desenvolver a sua literacia financeira e a sua mentalidade de abundância, aprendendo a equilibrar a gratidão por aquilo que já têm com a ambição daquilo que desejam sem nunca esquecer o seu contributo para o mundo.

Tudo isto para que estas crianças e jovens se tornem em adultos com uma relação positiva e saudável com o dinheiro, autossuficientes e capazes de tomar as suas decisões financeiras de um lugar de conhecimento e empoderamento.
Previous slide
Next slide
O Jogo de Literacia Financeira para Pais e Filhos é um divertido desafio, com a duração de duas semanas, em que toda a família vai descobrir de forma simples e prática como aliar a leitura, a família e a educação financeira.

O jogo é composto por um total de 10 desafios, cada um sobre um tema diferente:

1º Desafio
Mentalidade de abundância

2º Desafio
O dinheiro

3º Desafio
Gestão de finanças pessoais

4º Desafio
Ganhos financeiros

5º Desafio
Poupanças financeiras

6º Desafio
Empréstimos financeiros e dívidas financeiras

7º. Desafio
Investimentos Financeiros

8º Desafio
Doações financeiras

9º Desafio
Gastos financeiros

10º Desafio
Rituais de abundância

Participa no desafio!

Eu concordo com os Termos & Condições *

Eu concordo com os Termos & Condições *